Problemas Respitarórios

Ao Paulo Murilo, meu mestre, meu guru, que restaurou minha saúde física e mental, deixo o meu depoimento:

Vinha me sentindo muito fraca, quase não podendo trabalhar. Apresentava sintomas vários: cansaço e problemas respiratórios, dentre outros. Finalmente um pneumologista descobriu que eu estava com uma patologia grave chamada bronquiolite, que é uma afecção respiratória aguda, que ocorre quando as vias aéreas mais estreitas dos pulmões, chamadas bronquíolos, ficam inflamadas e acumulam muco. Os sintomas são semelhantes aos de uma constipação persistente e, também, aos sintomas da asma. A pessoa afetada tem dificuldades de respirar porque a quantidade de ar que entra nos pulmões diminui devido à presença de secreções. E, porque também era alérgica, apresentei problemas respiratórios que exigiam cuidados ainda mais especiais. Inclusive, a primeira vez que fui à minha prática de yoga, não consegui caminhar sem descansar algumas vezes durante o trajeto. Sentia-me muito depauperada.

Como a bronquiolite é uma afecção benigna, com melhora espontânea após alguns dias, os maiores perigos para a saúde estão relacionados com a ventilação deficiente, quer em termos da hipóxia (baixo teor de oxigenação nos tecidos orgânicos) quer do risco de infecção respiratória. Para evitar estes problemas, as opções são a aspiração das secreções pulmonares através da colocação de sonda até à traquéia/brônquios principais, ou a cinesiterapia/fisioterapia respiratória.

Comecei a terapia respiratória com a Tantraterapia, série para bronquite asmática, realizada sob a orientação do professor Paulo Murilo Rosas. Inicialmente tinha muitas dificuldades; voltava para casa das aulas e dormia. Após um mês de prática (2 vezes por semana) e medicamentos específicos para a bronquiolite melhorei consideravelmente, sendo liberada, pelo meu médico, para realizar exercícios de yoga, desde que orientados pelo professor. A prática da Tantraterapia, com a série específica para a dificuldade que apresentava na ocasião, evitou que tivesse que passar por terapias agressivas e invasivas.

Depois de vivenciar a experiência acima relatada, considero a Tantraterapia essencial para alcançarmos o pleno desenvolvimento do potencial da saúde tanto mental quanto física.

Muito obrigada,

Ana Maria Emert

 

Rua Santa Clara, 98 Cob. 01, Copacabana - RJ - Tel: (21) 2549-1707